FECHAR
FECHAR
20 de dezembro de 2011
Voltar
Especial Portos

Os melhores e os piores portos do Brasil

Uma pesquisa sobre os principais portos do Brasil, elaborada pelo Centro de Estudos em Logística do Instituto de Pós-Graduação em Administração da Universidade Federal do Rio de Janeiro CEL/Coppead/UFRJ, revela as principais deficiências e dificuldades de cada porto, na avaliação dos usuários.

No entender dos entrevistados, o porto mais bem avaliado do País é o terminal marítimo de Ponta da Madeira, no Maranhão, que é operado pela Vale. Numa escala de 0 a 10, ele recebeu nota 9,3, enquanto o de Tubarão/ES ficou com 9,0 e Suape/PE com 8,3.

O porto de Ponta da Madeira é o único no Brasil com calado entre 21 e 23 metros, com capacidade para receber e carregar o maior graneleiro do mundo, Berge Stahl, de bandeira norueguesa, com capacidade para transportar quase 365 000 toneladas.

Em contrapartida, o porto de Santos, recebeu uma das piores avaliações na escala de 0 a 10. Responsável por 26% do comércio exterior do País, o porto – que tem um calado entre 12 e 14 metros de profundidade – recebeu nota 5,7. Veja o ranking a seguir.