ABRIR
FECHAR
ABRIR
FECHAR
01 de julho de 2021
Voltar

Startup de logística e ESG para a construção civil recebe aporte de R$ 1,7 milhão

Fundada em 2020, a startup faturou R$4,8 milhões até o momento e planeja 1.000 caminhões ativos e 2.467 obras por ano até 2025
Fonte: Assessoria de Imprensa

A LandApp , plataforma de logística de materiais e resíduos sólidos da construção civil, acaba de receber um aporte de R$ 1,7 milhão dos grupos de investidores anjo BR Angels Smart Network , formado por empreendedores e executivos de grandes empresas, e GVAngels , composto por ex-alunos da Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Responsável pela primeira solução tecnológica e sustentável para construtoras e caminhoneiros, a startup iniciou suas operações em 2020 e faturou R$ 4,8 milhões em doze meses.

Com a captação, a empresa pretende otimizar os serviços oferecidos aos clientes e caminhoneiros parceiros, além de acelerar o lançamento de novos produtos para chegar à marca de 1.000 caminhões ativos e 2.467 obras atendidas ao ano, até 2025.
Totalmente on-line, a plataforma permite que o cliente solicite e acompanhe o transporte de materiais e resíduos da sua obra de forma segura e confiável.

Após o cadastro da obra, com volume e tipo de material a ser transportado, ele faz o planejamento logístico com apenas alguns cliques, enquanto a LandApp conecta o número ideal de transportadores autônomos com parceiros – como jazidas, aterros e recicladores – para o envio ou recebimento dos produtos a serem tratados de forma correta.<...


A LandApp , plataforma de logística de materiais e resíduos sólidos da construção civil, acaba de receber um aporte de R$ 1,7 milhão dos grupos de investidores anjo BR Angels Smart Network , formado por empreendedores e executivos de grandes empresas, e GVAngels , composto por ex-alunos da Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Responsável pela primeira solução tecnológica e sustentável para construtoras e caminhoneiros, a startup iniciou suas operações em 2020 e faturou R$ 4,8 milhões em doze meses.

Com a captação, a empresa pretende otimizar os serviços oferecidos aos clientes e caminhoneiros parceiros, além de acelerar o lançamento de novos produtos para chegar à marca de 1.000 caminhões ativos e 2.467 obras atendidas ao ano, até 2025.
Totalmente on-line, a plataforma permite que o cliente solicite e acompanhe o transporte de materiais e resíduos da sua obra de forma segura e confiável.

Após o cadastro da obra, com volume e tipo de material a ser transportado, ele faz o planejamento logístico com apenas alguns cliques, enquanto a LandApp conecta o número ideal de transportadores autônomos com parceiros – como jazidas, aterros e recicladores – para o envio ou recebimento dos produtos a serem tratados de forma correta.

Segundo fundador e CEO da LandApp, Matheus Protti, através do Aterro Zero LandApp, também é possível compartilhar materiais entre obras, o que reduz as distâncias percorridas pelos caminhões e, como consequência, diminui os custos e as emissões de CO2.

As viagens dos caminhoneiros ainda são monitoradas em tempo real por meio de geolocalização, o que permite o atendimento de vários segmentos e regiões simultaneamente, o acompanhamento da produtividade e a verificação da evolução do projeto.

“Assim, a startup simplifica processos, promove governança e transparência, além de impactar no preço de operação de todo o fluxo de materiais e resíduos da construção civil’, comenta Protti.

Av. Francisco Matarazzo, 404 Cj. 701/703 Água Branca - CEP 05001-000 São Paulo/SP

Telefone (11) 3662-4159

© Sobratema. A reprodução do conteúdo total ou parcial é autorizada, desde que citada a fonte. Política de privacidade