ABRIR
FECHAR
ABRIR
FECHAR
16 de novembro de 2010
Voltar
Gestão Pública

BR 116 será inteligente

O governo federal pretende implantar nos 48 km de extensão da BR 116 entre Porto Alegre e Dois Irmãos o Sistema de Transporte Inteligente – ITS. Ela será a primeira grande rodovia federal não pedagiada a contar com tal benefício no próximo ano.

O sistema de monitoramento do trânsito engloba um centro de controle operacional – CCO e serviço de atendimento ao usuário – SAU. O Controle fará a inspeção 24 horas/dia com câmeras distribuídas estrategicamente ao longo da rodovia e orientará o fluxo por meio de painéis (fixos e móveis) para modulação da velocidade e de mensagens variáveis. Já o SAU será acionado pelo usuário em ligação gratuita (0800) e disponibilizará guinchos e/ou veículos e motocicletas de apoio.

O sistema contará ainda com barreiras metálicas móveis que podem se abrir para atendimento de emergências. Com isto garantirá agilidade na liberação do fluxo em caso de interrupção por acidentes ou por panes mecânicas.

Para implantação do ITS, o DNIT abriu concorrência pública em 12 de agosto, com o objetivo de selecionar empresas que devem prestar o serviço pelo período inicial de dois anos e meio. O orçamento previsto para execução do serviço é de R$ 23,3 milhões.

Cerca de 150 mil veículos trafegam diariamente pelo referido trecho da rodovia, que cruza ainda outros importantes municípios gaúchos como Canoas, Sapucaia do Sul, São Leopoldo e Novo Hamburgo. Nele são registrados mais de 2 mil acidentes por ano, que causam uma média de 25 mortes, de acordo com dados do Departamento de Polícia Rodoviária Federal.


O governo federal pretende implantar nos 48 km de extensão da BR 116 entre Porto Alegre e Dois Irmãos o Sistema de Transporte Inteligente – ITS. Ela será a primeira grande rodovia federal não pedagiada a contar com tal benefício no próximo ano.

O sistema de monitoramento do trânsito engloba um centro de controle operacional – CCO e serviço de atendimento ao usuário – SAU. O Controle fará a inspeção 24 horas/dia com câmeras distribuídas estrategicamente ao longo da rodovia e orientará o fluxo por meio de painéis (fixos e móveis) para modulação da velocidade e de mensagens variáveis. Já o SAU será acionado pelo usuário em ligação gratuita (0800) e disponibilizará guinchos e/ou veículos e motocicletas de apoio.

O sistema contará ainda com barreiras metálicas móveis que podem se abrir para atendimento de emergências. Com isto garantirá agilidade na liberação do fluxo em caso de interrupção por acidentes ou por panes mecânicas.

Para implantação do ITS, o DNIT abriu concorrência pública em 12 de agosto, com o objetivo de selecionar empresas que devem prestar o serviço pelo período inicial de dois anos e meio. O orçamento previsto para execução do serviço é de R$ 23,3 milhões.

Cerca de 150 mil veículos trafegam diariamente pelo referido trecho da rodovia, que cruza ainda outros importantes municípios gaúchos como Canoas, Sapucaia do Sul, São Leopoldo e Novo Hamburgo. Nele são registrados mais de 2 mil acidentes por ano, que causam uma média de 25 mortes, de acordo com dados do Departamento de Polícia Rodoviária Federal.

Av. Francisco Matarazzo, 404 Cj. 701/703 Água Branca - CEP 05001-000 São Paulo/SP

Telefone (11) 3662-4159

© Sobratema. A reprodução do conteúdo total ou parcial é autorizada, desde que citada a fonte. Política de privacidade