FECHAR
01 de julho de 2021
Voltar

Rodovias são destaque em pacote de concessões

Mais de R$ 60 bilhões em investimentos poderão sair do papel, com destaque para: a relicitação da via Dutra
Fonte: Valor Econômico

Um conjunto de concessões na área de transportes, com ênfase no setor rodoviário, deverá ser lançado pela União e governos estaduais ao longo dos próximos anos.

Mais de R$ 60 bilhões em investimentos poderão sair do papel, com destaque para: a relicitação da via Dutra, cujo contrato expirou em fevereiro e foi prorrogado por 12 meses com o atual concessionário; o anel metropolitano de Belo Horizonte; a Ferrogrão; e o processo de desestatização da Companhia Docas do Espírito Santo (Codesa), que pode ser um marco para o setor portuário.

Em rodovias, o destaque da União é a relicitação da Via Dutra, concedida em 1996 para a CCR. O edital deverá ser lançado no segundo semestre, com expectativa para o leilão até o primeiro trimestre de 2022.

O projeto trará uma inovação no Brasil: um trecho de 12 quilômetros em que se adotará pela primeira vez no Brasil o sistema de free flow (pedágio com cobrança automática e sem cancela).

Estimam-se investimentos de R$ 30 bilhões ao longo da concessão, sendo que cerca de um terço deverá ser aplicado na ampliação da serra das Araras, com essa obra podendo ter os recursos diluídos ao longo de dez anos.

“O setor...


Um conjunto de concessões na área de transportes, com ênfase no setor rodoviário, deverá ser lançado pela União e governos estaduais ao longo dos próximos anos.

Mais de R$ 60 bilhões em investimentos poderão sair do papel, com destaque para: a relicitação da via Dutra, cujo contrato expirou em fevereiro e foi prorrogado por 12 meses com o atual concessionário; o anel metropolitano de Belo Horizonte; a Ferrogrão; e o processo de desestatização da Companhia Docas do Espírito Santo (Codesa), que pode ser um marco para o setor portuário.

Em rodovias, o destaque da União é a relicitação da Via Dutra, concedida em 1996 para a CCR. O edital deverá ser lançado no segundo semestre, com expectativa para o leilão até o primeiro trimestre de 2022.

O projeto trará uma inovação no Brasil: um trecho de 12 quilômetros em que se adotará pela primeira vez no Brasil o sistema de free flow (pedágio com cobrança automática e sem cancela).

Estimam-se investimentos de R$ 30 bilhões ao longo da concessão, sendo que cerca de um terço deverá ser aplicado na ampliação da serra das Araras, com essa obra podendo ter os recursos diluídos ao longo de dez anos.

“O setor rodoviário está muito aquecido porque teremos mais de 15 projetos sendo licitados nos próximos meses, de portes e volumes de investimentos diferentes. Além disso, vários Estados como Rio de Janeiro, Pernambuco, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Mato Grosso estão com iniciativas”, destaca Daniel Keller, sócio da Una Partners, que estrutura diversos projetos na área de infraestrutura.

Av. Francisco Matarazzo, 404 Cj. 701/703 Água Branca - CEP 05001-000 São Paulo/SP

Telefone (11) 3662-4159

© Sobratema. A reprodução do conteúdo total ou parcial é autorizada, desde que citada a fonte. Política de privacidade