ABRIR
FECHAR
ABRIR
FECHAR
18 de maio de 2015
Voltar
Agenda 2015

Indústria de Fundações e Geotecnia em foco

O SEFE 8 – 8º Seminário de Engenharia de Fundações Especiais e Geotecnia e 2ª Feira da Indústria de Fundações e Geotecnia, que irá se realizar de 23 a 25 de junho de 2015, nos pavilhões D e E do Transamérica Expo Center, em São Paulo, vai  reunir as principais tecnologias, especialistas, profissionais e prestadores de serviços dos setores de fundações e geotecnia.

O evento acontece a cada três anos e é promovido pela Abef – Associação Brasileira das Empresas de Engenharia de Fundações e Geotecnia, em parceria com o Sinabef – Sindicato da Indústria de Engenharia de Fundações e Geotecnia do Estado de São Paulo, a ABMS – Associação Brasileira de Mecânica de Solos e Engenharia Geotécnica, a Abeg – Associação Brasileira de Empresas de Projetos e Consultoria em Engenharia Geotécnica e o DFI – Deep Foundations Institute.

O seminário contará com palestras ministradas por especialistas brasileiros e internacionais que irão debater as últimas tendências na área. Um dos destaques fica por conta do tema “Gestão, especificação, aplicação e controle do concreto em obras de fundação”, que abordará temas como a falta de resistência no concreto, grandes exsudações, falta de trabalhabilidade e alterações no tempo de início de pega, às vezes causando entupimentos, dificuldade no lançamento ou demora no início do endurecimento do concreto.

“Muitas especificações existentes para os concretos de hélice contínua e parede diafragma ainda não são seguidas por algumas empresas de fundação”, destaca Arcindo Vaquero y Mayor, um dos palestrantes do SEFE 8 e presidente da Abesc (Associação Brasileira das Empresas de Serviços de Concretagem). O evento será importante para disseminar esse conhecimento e mostrar sua importância para as obras”, diz ele.

Temário

Fundação de Edifícios: Planejamento Estratégico; Investigações geotécnicas; Ensaios prévios; Concepção; Custos Envolvidos; Instrumentação e desempenho;

Fundação de Portos, Pontes e Obras Especiais;

Ensaios em estacas: Interpretação de Resultados; Consequências e Responsabilidades;

Escavações Profundas e Contenções em Obras Urbanas: Impacto, Interferência e Interação na Vizinhança; Novas Tecnologias; Instrumentação;

Geotecnia e Meio Ambiente: Identificação e Técnicas de Remediação; Riscos Ambientais em Fundações e Geotecnia; Regulamentação;

Tratament


O SEFE 8 – 8º Seminário de Engenharia de Fundações Especiais e Geotecnia e 2ª Feira da Indústria de Fundações e Geotecnia, que irá se realizar de 23 a 25 de junho de 2015, nos pavilhões D e E do Transamérica Expo Center, em São Paulo, vai  reunir as principais tecnologias, especialistas, profissionais e prestadores de serviços dos setores de fundações e geotecnia.

O evento acontece a cada três anos e é promovido pela Abef – Associação Brasileira das Empresas de Engenharia de Fundações e Geotecnia, em parceria com o Sinabef – Sindicato da Indústria de Engenharia de Fundações e Geotecnia do Estado de São Paulo, a ABMS – Associação Brasileira de Mecânica de Solos e Engenharia Geotécnica, a Abeg – Associação Brasileira de Empresas de Projetos e Consultoria em Engenharia Geotécnica e o DFI – Deep Foundations Institute.

O seminário contará com palestras ministradas por especialistas brasileiros e internacionais que irão debater as últimas tendências na área. Um dos destaques fica por conta do tema “Gestão, especificação, aplicação e controle do concreto em obras de fundação”, que abordará temas como a falta de resistência no concreto, grandes exsudações, falta de trabalhabilidade e alterações no tempo de início de pega, às vezes causando entupimentos, dificuldade no lançamento ou demora no início do endurecimento do concreto.

“Muitas especificações existentes para os concretos de hélice contínua e parede diafragma ainda não são seguidas por algumas empresas de fundação”, destaca Arcindo Vaquero y Mayor, um dos palestrantes do SEFE 8 e presidente da Abesc (Associação Brasileira das Empresas de Serviços de Concretagem). O evento será importante para disseminar esse conhecimento e mostrar sua importância para as obras”, diz ele.

Temário

Fundação de Edifícios: Planejamento Estratégico; Investigações geotécnicas; Ensaios prévios; Concepção; Custos Envolvidos; Instrumentação e desempenho;

Fundação de Portos, Pontes e Obras Especiais;

Ensaios em estacas: Interpretação de Resultados; Consequências e Responsabilidades;

Escavações Profundas e Contenções em Obras Urbanas: Impacto, Interferência e Interação na Vizinhança; Novas Tecnologias; Instrumentação;

Geotecnia e Meio Ambiente: Identificação e Técnicas de Remediação; Riscos Ambientais em Fundações e Geotecnia; Regulamentação;

Tratamento e Melhoria de Solos;

Responsabilidades da Prática Profissional – Riscos, Consequências e Seguros;

Estado Atual, Desafios e Perspectivas Futuras em Fundações e Contenções.

Uma das palestras do seminário que promete disseminar muitas informações é “Teste bi-direcional com utilização de célula hidrodinâmica – ensaio e sua interpretação”. Segundo um dos palestrantes, o professor titular da Escola Politécnica da USP, doutor Faiçal Massad, o tema será apresentado aos participantes, serão conhecidas as vantagens e as limitações do uso de célula expansiva, tornando engenheiros de fundações aptos a tomarem decisões sobre o emprego da técnica num determinado projeto.

“Serão abordadas, por exemplo, as técnicas de instalação da célula expansiva em relação ao tipo de estaca, instrumentação da estaca em profundidade, para se avaliar o comportamento dos solos, correção das cargas, estacas parcialmente embutidas em rocha, entre outros aspectos”, adianta Faiçal.

Mais informações pelo Tel. Fax: (11) 3056-6000, pelo e-mail: sefe8@acquacon.com.br ou pelo site: www.sefe8.com.br

 

 

 

Av. Francisco Matarazzo, 404 Cj. 701/703 Água Branca - CEP 05001-000 São Paulo/SP

Telefone (11) 3662-4159

© Sobratema. A reprodução do conteúdo total ou parcial é autorizada, desde que citada a fonte. Política de privacidade