FECHAR
FECHAR
16 de maio de 2016
Voltar
Agenda 2016

Indústria do aço em tempos de crise

A indústria brasileira do aço, um dos insumos da cadeia da construção, vive uma das piores crises da sua história. No acumulado 2014 e 2015, 29.740 colaboradores foram demitidos e a previsão é que, neste 1º semestre, outros 11.332 sejam dispensados. A exportação seria um caminho para melhorar a situação atual do setor, mas a indústria do aço convive com excedentes de capacidade internacional que ultrapassam 700 milhões de toneladas e levam a práticas desleais de comércio e preços depreciados.

Nesse contexto, “Indústria Mundial do Aço - Cenário nos Próximos Três Anos - Impactos para o Brasil” será um dos temas do 27º Congresso Brasileiro do Aço.  Trata-se do mais importante evento da cadeia do aço no Brasil, organizado pelo Instituto Aço Brasil O evento será realizado nos dias 08 e 09 de junho, no Centro de Convenções Frei Caneca, em São Paulo.

Depois de mais uma edição com modelo de Congresso e Exposição, o evento volta ao seu formato corporativo, com foco exclusivo na discussão dos rumos da indústria do aço e da economia do País feita por renomados palestrantes nacionais e internacionais. A novidade desse ano fica por conta da possibilidade de patrocínio com exposição da marca das empresas parceiras também nesse formato.

Na última edição, cerca de mil pessoas participaram do evento. Mais de 60 jornalistas, representando os principais veículos de comunicação do País, também estiveram presentes na cobertura. Entre os patrocinadores do evento de 2015 estiveram: Arcelor Mittal, Organização Techint, CSN, Banco do Brasil, Gerdau, CBMM, Usiminas, AirLiquide, Aperam e BNDES.

Para esta edição do congresso, já estão confirmados como palestrantes Armando Monteiro Neto, Ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior; Antônio Delfim Netto, Economista; e Usha Haley, Professora de Administração da Universidade de West Virginia.   Especialista em economia chinesa, Usha Haley fará uma apresentação sob o tema, “China – Economia de Mercado”, que abordará os subsídios chineses à sua indústria e as relações entre o mercado e o governo chinês. Haley acompanhou, no Senado dos EUA, a aquisição da Smithfield Foods pela Shuanghui, considerado o caso de investimento estrangeiro direto mais importante da década. Seu trabalho conta com mais de 250 publicações e apresentações, incluindo sete livros, tendo dois destes figurados entre as listas de best-se


A indústria brasileira do aço, um dos insumos da cadeia da construção, vive uma das piores crises da sua história. No acumulado 2014 e 2015, 29.740 colaboradores foram demitidos e a previsão é que, neste 1º semestre, outros 11.332 sejam dispensados. A exportação seria um caminho para melhorar a situação atual do setor, mas a indústria do aço convive com excedentes de capacidade internacional que ultrapassam 700 milhões de toneladas e levam a práticas desleais de comércio e preços depreciados.

Nesse contexto, “Indústria Mundial do Aço - Cenário nos Próximos Três Anos - Impactos para o Brasil” será um dos temas do 27º Congresso Brasileiro do Aço.  Trata-se do mais importante evento da cadeia do aço no Brasil, organizado pelo Instituto Aço Brasil O evento será realizado nos dias 08 e 09 de junho, no Centro de Convenções Frei Caneca, em São Paulo.

Depois de mais uma edição com modelo de Congresso e Exposição, o evento volta ao seu formato corporativo, com foco exclusivo na discussão dos rumos da indústria do aço e da economia do País feita por renomados palestrantes nacionais e internacionais. A novidade desse ano fica por conta da possibilidade de patrocínio com exposição da marca das empresas parceiras também nesse formato.

Na última edição, cerca de mil pessoas participaram do evento. Mais de 60 jornalistas, representando os principais veículos de comunicação do País, também estiveram presentes na cobertura. Entre os patrocinadores do evento de 2015 estiveram: Arcelor Mittal, Organização Techint, CSN, Banco do Brasil, Gerdau, CBMM, Usiminas, AirLiquide, Aperam e BNDES.

Para esta edição do congresso, já estão confirmados como palestrantes Armando Monteiro Neto, Ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior; Antônio Delfim Netto, Economista; e Usha Haley, Professora de Administração da Universidade de West Virginia.   Especialista em economia chinesa, Usha Haley fará uma apresentação sob o tema, “China – Economia de Mercado”, que abordará os subsídios chineses à sua indústria e as relações entre o mercado e o governo chinês. Haley acompanhou, no Senado dos EUA, a aquisição da Smithfield Foods pela Shuanghui, considerado o caso de investimento estrangeiro direto mais importante da década. Seu trabalho conta com mais de 250 publicações e apresentações, incluindo sete livros, tendo dois destes figurados entre as listas de best-sellers internacionais.

Mais informações, inscrições e programa completo no site www.acobrasil.org.br/congresso2016, pelo E-mail eventos@acobrasil.org.br, pelo telefone  (021) 2524-6917, ou pelo Fax.: (021) 2262-2234.