FECHAR
FECHAR
26 de fevereiro de 2014
Voltar
Prêmio ABCIC

Consagração da Construção Industrializada

Abcic lança anuário do setor e anuncia vencedor do Prêmio Obra do Ano de 2013: RioMar Shopping, de Recife, reúne inovação, sustentabilidade e técnicas raras no uso do pré-fabricado

Pelo terceiro ano consecutivo, em noite de gala que reuniu centenas de representantes de toda a cadeia da construção, além de notáveis do mundo da Engenharia e Arquitetura no Brasil, a Associação Brasileira da Construção Industrializada de Concreto (Abcic) lançou, no dia 5 de dezembro, em são Paulo, a terceira edição do anuário do setor. A publicação aborda os principais assuntos relacionados ao compromisso da indústria do pré-fabricado do concreto e da Abcic, e traz uma retrospectiva das maiores realizações da entidade, destacando importantes temas da agenda setorial como: normalização, certificação, capacitação profissional, sustentabilidade e a questão tributária.

Nesta edição, especialmente, o anuário publica um levantamento exclusivo, feito pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), por encomenda da Abcic, que analisa os investimentos realizados pelas empresas do segmento em 2013, comparando-os com os de 2012. O estudo, intitulado Sondagem de Expectativas da Indústria de Pré-fabricados de Concreto, revelou que apenas 10% das pré-fabricadoras reduziram investimentos em 2013. As demais investiram mais ou mantiveram os índices do ano anterior.

A noite teve, ainda, um aspecto festivo, com a entrega do Prêmio Obra do Ano em Pré-Fabricados de Concreto 2013. O vencedor foi o RioMar Shopping, situado no município de Recife, em Pernambuco. A obra foi contratada pelo Grupo JCPM e contou com o projeto arquitetônico de André Sá e Francisco Mota, com projeto estrutural de Sérgio Osório e Alessandra Silveira. A T&A Pré-Fabricados foi responsável pelo fornecimento da estrutura de pré-fabricados.

Além do vencedor do prêmio, a Abcic conferiu, durante solenidade, menção honrosa a outros três empreendimentos que se destacaram no uso de estruturas pré-fabricadas de concreto e pela singularidade que estas estruturas proporcionaram a esses empreendimentos.

Foram eles o Shopping Contagem, em Contagem (MG), cujas estruturas foram fornecidas pela Premo e pela Precon; um datacenter em Mogi Mirim, no interior de São Paulo, com fornecimento da CPI e Stamp; e o Hotel Linx International Airport Antonio Carlos Jobim, no Rio de Janeiro (RJ), obra que teve as estruturas produzidas pela Cassol, com painéis da Stamp.

O RioMar, maior shopping center na Região Nordeste, com 295 mil m² de área construída, foi executado com pré-fabricados de concreto. Para a sua construção, foram empregad


Pelo terceiro ano consecutivo, em noite de gala que reuniu centenas de representantes de toda a cadeia da construção, além de notáveis do mundo da Engenharia e Arquitetura no Brasil, a Associação Brasileira da Construção Industrializada de Concreto (Abcic) lançou, no dia 5 de dezembro, em são Paulo, a terceira edição do anuário do setor. A publicação aborda os principais assuntos relacionados ao compromisso da indústria do pré-fabricado do concreto e da Abcic, e traz uma retrospectiva das maiores realizações da entidade, destacando importantes temas da agenda setorial como: normalização, certificação, capacitação profissional, sustentabilidade e a questão tributária.

Nesta edição, especialmente, o anuário publica um levantamento exclusivo, feito pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), por encomenda da Abcic, que analisa os investimentos realizados pelas empresas do segmento em 2013, comparando-os com os de 2012. O estudo, intitulado Sondagem de Expectativas da Indústria de Pré-fabricados de Concreto, revelou que apenas 10% das pré-fabricadoras reduziram investimentos em 2013. As demais investiram mais ou mantiveram os índices do ano anterior.

A noite teve, ainda, um aspecto festivo, com a entrega do Prêmio Obra do Ano em Pré-Fabricados de Concreto 2013. O vencedor foi o RioMar Shopping, situado no município de Recife, em Pernambuco. A obra foi contratada pelo Grupo JCPM e contou com o projeto arquitetônico de André Sá e Francisco Mota, com projeto estrutural de Sérgio Osório e Alessandra Silveira. A T&A Pré-Fabricados foi responsável pelo fornecimento da estrutura de pré-fabricados.

Além do vencedor do prêmio, a Abcic conferiu, durante solenidade, menção honrosa a outros três empreendimentos que se destacaram no uso de estruturas pré-fabricadas de concreto e pela singularidade que estas estruturas proporcionaram a esses empreendimentos.

Foram eles o Shopping Contagem, em Contagem (MG), cujas estruturas foram fornecidas pela Premo e pela Precon; um datacenter em Mogi Mirim, no interior de São Paulo, com fornecimento da CPI e Stamp; e o Hotel Linx International Airport Antonio Carlos Jobim, no Rio de Janeiro (RJ), obra que teve as estruturas produzidas pela Cassol, com painéis da Stamp.

O RioMar, maior shopping center na Região Nordeste, com 295 mil m² de área construída, foi executado com pré-fabricados de concreto. Para a sua construção, foram empregados 21.500 m³ de concreto pré-fabricado, distribuídos em 3.480 vigas, algumas delas chegando a 20 metros de comprimento, além de 12.800 lajes alveolares, e 1.117 pilares de até 35 metros de altura. A estrutura foi erguida em tempo recorde: 14 meses. O empreendimento foi o primeiro shopping do Brasil a receber, nas fases de concepção e projeto, a Certificação AQUA (Alta Qualidade Ambiental), concedida pela Fundação Vanzolini.

Segundo José de Almeida, diretor presidente da T&A Pré-Fabricados, o RioMar Shopping é uma obra emblemática, que agrega inovações tecnológicas importantes em termos de conceitos estruturais. “Para nós, receber o prêmio da Abcic é o coroamento de um trabalho. A premiação pertence a toda equipe, os engenheiros, a superintendência e todos os funcionários que participaram da construção”, comemorou.

De acordo com Íria Doniak, presidente executiva da Abcic, o Prêmio Obra do Ano prestigia as empresas pré-fabricadoras e confere destaque aos arquitetos e engenheiros projetistas que usam o sistema construtivo em seus projetos. “A premiação destaca os projetos arquitetônicos que aliam beleza, estética e inovação, podendo ser executados com estruturas pré-fabricadas de concreto. Mesmo sendo indicados para projetos modulares, com repetitividade de peças, nosso sistema pode ser muito bem adaptado em situações que exijam uma técnica rara, como foi o caso do RioMar Shopping, onde foi necessário um grande esforço de logística para viabilizar uma obra deste porte num grande centro urbano, aliando as necessidades de um cronograma ousado e os requisitos de sustentabilidade.”

Júri de notáveis

Criado em 2011, no ano de comemoração de 10 anos de atividades da Abcic, o prêmio conta com o apoio institucional da ABCP – Associação Brasileira de Cimento Portland, e apoio de mídia da Revista Grandes Construções, editada pela Sobratema. A entidade não só apoiou a Abcic no  desenvolvimento da premiação, como participou da composição do júri,  através do seu presidente, Afonso Mamede, e do seu diretor Executivo Comercial, Hugo Ribas Branco.

"A Abcic e a Sobratema têm grande interface no que diz respeito à utilização de equipamentos para movimentação, transporte e montagem das estruturas pré-fabricadas e também às grandes construtoras clientes dos associados Abcic. Além disso, temos afinidade na forma de condução das ações institucionais e desenvolvimento dos mercados que representamos. Esse relacionamento começou durante a Construction Expo 2011, promovida pela Sobratema, e se consolida através do apoio ao Prêmio Obra do Ano em Pré-Fabricado de Concreto", diz Paulo Sérgio Cordeiro, Diretor de Marketing da Abcic.

Além dos diretores da Sobratema, integraram o júri o arquiteto e professor da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo (FAU-USP), Paulo Campos; o renomado engenheiro e professor de Engenharia Estrutural, Augusto Carlos Vasconcelos (que também foi o precursor do concreto pré-fabricado no Brasil); e o engenheiro Roberto Falcão Bauer, especialista em tecnologia do concreto e controle total da qualidade na construção civil.

Na opinião do júri, houve uma grande diversidade de obras que, independentemente do porte, apresentaram diversas soluções de aplicação do concreto pré-fabricado, além de inovação para viabilizar a arquitetura dos empreendimentos e imprimir maior agilidade em cronogramas e logística de montagem.

"Para o próximo ano, criaremos categorias específicas, separando por tipos de obras. Também aperfeiçoaremos o regulamento e lançaremos as regras já no mês de maio, afim de que as empresas possam se organizar melhor", diz Íria Doniak, que também é coordenadora do prêmio. Ela complementa que o elevado nível de qualificação profissional e a experiência do corpo de jurados culminou, não somente na escolha da obra premiada, mas também em valiosas contribuições para as próximas edições, inclusive no que diz respeito aos próprios critérios de julgamento.