ABRIR
FECHAR
ABRIR
FECHAR
15 de outubro de 2012
Voltar
Logística Superporto Sudeste

Concluídas obras marítimas do Superporto Sudeste

MMX construiu duas pontes, uma plataforma e um píer do empreendimento que será capaz de receber navios do tipo capesize

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A MMX, mineradora do Grupo EBX, acaba de concluir as obras civis da estrutura marítima do Superporto Sudeste, em construção em Itaguaí (RJ). A estrutura marítima conta com duas pontes  uma com 430 metros de extensão e outra com 270 metros -, uma plataforma entre as duas pontes e um píer com 765 metros de comprimento com dois berços para atracação e carregamento simultâneo de navios do tipo capesize. O Superporto Sudeste entrará em operação no segundo trimestre de 2013.

Ao final do ano passado, foram concluídas as obras de perfuração do túnel, com 1,8 km de extensão, 11 metros de altura e 20 metros de largura, que atravessa uma grande formação rochosa, ligando a área destinada à instalação dos pátios de armazenamento de minério de ferro ao píer do porto. No interior do túnel serão instaladas esteiras rolantes, que farão a movimentação do minério. As obras de perfuração do túnel foram executadas pelo consórcio ARG/Civilport e exigiram a retirada de 365 mil m3 de rocha. Neste momento, prosseguem as obras para a construção dos dois pátios de estocagem para minério de ferro.

Nas próximas etapas de execução do projeto, está prevista a montagem mecânica e elétrica dos transportadores de correia que irão conduzir o minério de ferro do pátio de estocagem até o píer, através do túnel. Em seguida, ocorrerá o descarregamento e a interligação das duas carregadeiras de navios que virão montadas da China, onde foram fabricadas. As carregadeiras estão em fase final de inspeção e preparação para serem despachadas para o Brasil. Esses equipamentos têm capacidade para embarcar 12 mil toneladas de minério de ferro por hora.

Localização estratégica

O Superporto Sudeste é um Terminal Portuário Privativo de Uso Misto, dedicado à movimentação exclusiva de minério de ferro, com capacidade de 50 milhões de toneladas por ano, na primeira fase, devendo ser duplicado posteriormente. O Grupo EBX divulgou a decisão de expandir a capacidade de movimentação do porto, que passará de 50 milhões de toneladas de minério de ferro por ano para 100 Mtpa. Em dezembro de 2010, com a aquisição de uma área de 150.000 m2, adjacente ao seu pátio de estocagem de minério de ferro, o grupo viabilizou a construção


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A MMX, mineradora do Grupo EBX, acaba de concluir as obras civis da estrutura marítima do Superporto Sudeste, em construção em Itaguaí (RJ). A estrutura marítima conta com duas pontes  uma com 430 metros de extensão e outra com 270 metros -, uma plataforma entre as duas pontes e um píer com 765 metros de comprimento com dois berços para atracação e carregamento simultâneo de navios do tipo capesize. O Superporto Sudeste entrará em operação no segundo trimestre de 2013.

Ao final do ano passado, foram concluídas as obras de perfuração do túnel, com 1,8 km de extensão, 11 metros de altura e 20 metros de largura, que atravessa uma grande formação rochosa, ligando a área destinada à instalação dos pátios de armazenamento de minério de ferro ao píer do porto. No interior do túnel serão instaladas esteiras rolantes, que farão a movimentação do minério. As obras de perfuração do túnel foram executadas pelo consórcio ARG/Civilport e exigiram a retirada de 365 mil m3 de rocha. Neste momento, prosseguem as obras para a construção dos dois pátios de estocagem para minério de ferro.

Nas próximas etapas de execução do projeto, está prevista a montagem mecânica e elétrica dos transportadores de correia que irão conduzir o minério de ferro do pátio de estocagem até o píer, através do túnel. Em seguida, ocorrerá o descarregamento e a interligação das duas carregadeiras de navios que virão montadas da China, onde foram fabricadas. As carregadeiras estão em fase final de inspeção e preparação para serem despachadas para o Brasil. Esses equipamentos têm capacidade para embarcar 12 mil toneladas de minério de ferro por hora.

Localização estratégica

O Superporto Sudeste é um Terminal Portuário Privativo de Uso Misto, dedicado à movimentação exclusiva de minério de ferro, com capacidade de 50 milhões de toneladas por ano, na primeira fase, devendo ser duplicado posteriormente. O Grupo EBX divulgou a decisão de expandir a capacidade de movimentação do porto, que passará de 50 milhões de toneladas de minério de ferro por ano para 100 Mtpa. Em dezembro de 2010, com a aquisição de uma área de 150.000 m2, adjacente ao seu pátio de estocagem de minério de ferro, o grupo viabilizou a construção de um terminal de estocagem com capacidade duas vezes maior do que a prevista inicialmente.

Com profundidade de 21 metros, suficiente para operação de navios de grande porte e estrutura marítima com dois berços para atracação de navios, o Superporto Sudeste contará com investimentos de R$ 2,4 bilhões. Estrategicamente localizado, o Superporto Sudeste representa a menor distância entre os produtores de minério de ferro do Quadrilátero Ferrífero (Minas Gerais) e o oceano. Todo o transporte de minério de ferro para o terminal será feito por ferrovia. Para isso estão sendo construídos um ramal e uma pera ferroviária, estrutura que é utilizada para a realização do descarregamento dos vagões e manobra dos trens. A montagem de equipamentos ferroviários, como viradores de vagões e carregadores de navio, já foi contratada com as empresas Thyssen Krupp e ZPMC.

O minério será empilhado em dois pátios de estocagem, sendo que um deles será localizado onde hoje funciona a Pedreira Sepetiba, o que permitirá o reaproveitamento de uma área industrial já degradada, gerando menor impacto ambiental.

Pelo cronograma, no primeiro ano, o porto vai movimentar 20 milhões de toneladas, volume que sobe para 40 a 50 milhões no ano seguinte. Um ano depois, o terminal alcançaria ritmo pleno.

 

Mais matérias sobre esse tema

Av. Francisco Matarazzo, 404 Cj. 701/703 Água Branca - CEP 05001-000 São Paulo/SP

Telefone (11) 3662-4159

© Sobratema. A reprodução do conteúdo total ou parcial é autorizada, desde que citada a fonte. Política de privacidade