FECHAR
FECHAR
10 de outubro de 2019
Voltar

CAPACITAÇÃO

Empreendedores da construção buscam capacitação em energia fotovoltaica

Por meio de cursos técnicos na área, profissionais buscam se preparar para o futuro e se diferenciar no mercado de energia renovável
Fonte: Assessoria de Imprensa

Pequenos empreendedores da construção civil, como pedreiros e eletricistas, cada vez mais vêm buscando qualificação em energia solar fotovoltaica, por meio de cursos técnicos na área.

O objetivo dos profissionais é preparar-se para uma demanda que vem crescendo, além de se diferenciar no mercado e agregar valor aos serviços que já oferecem.

De acordo com dados da International Renewable Energy Agency (IRENA), no ano passado o mercado de energia renovável empregou mais de 11 milhões de pessoas em todo o mundo, com a energia solar despontando como a maior empregadora entre as fontes de energia limpa.

No Brasil, segundo a Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar), só neste ano a geração distribuída solar fotovoltaica duplicou de tamanho, chegando a 100 mil sistemas instalados até junho.

Frente a essa demanda crescente deste mercado, diversas iniciativas vêm sendo lançadas, como a do arquiteto Josias Rodrigues, criador do JR Construção, principal canal de construção civil do Youtube, que resolveu se especializar em energia solar fotovoltaica.

“Conhecer as novas tecnologias e dominá-las garante a continuidade de nossa atuação, ampliando as possibilidades para o futuro”, ele ressalta.

Segundo a NeoSolar Energia, na qual Rodrigues se qualificou, a quantidade de alunos que ingressam nos cursos e trabalham na construção vem aumentando expressivamente. Há dez anos no mercado, a NeoSolar foi a primeira empresa a instalar um sistema de energia solar conectado à rede elétrica no estado de São Paulo, sendo a principal distribuidora de equipamentos para sistemas off-grid do país.

“Estes profissionais buscam expandir o conhecimento na área em que atuam e captar mais espaço em um mercado com clientes que, cada vez mais, procuram soluções sustentáveis e profissionais completos, aptos a ajudá-los”, afirma a empresa em comunicado.