FECHAR
FECHAR
23 de abril de 2020
Voltar

SETORIAL

Setor mineral e WIM Brasil lançam plano de ação para maior inclusão na indústria mineral

A iniciativa tem como finalidade a apoiar a inclusão, a diversidade e a valorização das pessoas um dos importantes componentes de transformação do setor mineral brasileiro
Fonte: Assessoria de Imprensa

O Instituto Brasileiro de Mineração (Ibram) apoia o movimento para o avanço da participação das mulheres na indústria de mineração brasileira e assina o plano de ação com o Women in Mining – WIM Brasil.

A iniciativa tem como finalidade a apoiar a inclusão, a diversidade e a valorização das pessoas um dos importantes componentes de transformação do setor mineral brasileiro.

O Instituto tem enfatizado à iniciativa de promover a inclusão e a diversidade, inclusive, pela apresentação pública da Carta de Compromissos, a qual foi elaborada com a participação das mineradoras associadas e que estabelece metas para o setor se tornar mais sustentável.

Neste contexto de transformação, o tema de gênero e diversidade está destacado na própria Carta de Compromissos assumidos pela Entidade.

“O Ibram reconhece que o respeito à diversidade é condição primária para que se estabeleça a inclusão social com garantias ao exercício da cidadania. Ao reconhecer o direito igualitário de todo ser humano, o setor da mineração declara a valorização das singularidades e individualidades e o respeito à heterogeneidade nas suas diferentes formas’, afirma Wilso...


O Instituto Brasileiro de Mineração (Ibram) apoia o movimento para o avanço da participação das mulheres na indústria de mineração brasileira e assina o plano de ação com o Women in Mining – WIM Brasil.

A iniciativa tem como finalidade a apoiar a inclusão, a diversidade e a valorização das pessoas um dos importantes componentes de transformação do setor mineral brasileiro.

O Instituto tem enfatizado à iniciativa de promover a inclusão e a diversidade, inclusive, pela apresentação pública da Carta de Compromissos, a qual foi elaborada com a participação das mineradoras associadas e que estabelece metas para o setor se tornar mais sustentável.

Neste contexto de transformação, o tema de gênero e diversidade está destacado na própria Carta de Compromissos assumidos pela Entidade.

“O Ibram reconhece que o respeito à diversidade é condição primária para que se estabeleça a inclusão social com garantias ao exercício da cidadania. Ao reconhecer o direito igualitário de todo ser humano, o setor da mineração declara a valorização das singularidades e individualidades e o respeito à heterogeneidade nas suas diferentes formas’, afirma Wilson Brumer, presidente do Conselho Diretor do Ibram.