FECHAR
23 de maio de 2019
Voltar

SUSTENTABILIDADE

Centro Corporativo Portinari no Distrito Federal conquista a primeira certificação LEED

Foram aplicados cerca de dois mil metros quadrados de vidros da Guardian Glass na fachada, com o objetivo de otimizar a incidência solar nos ambientes internos, contribuir para a eficiência energética e proporcionar melhor integração entre os ambientes interno e externo
Fonte: Assessoria de Imprensa

O Centro Corporativo Portinari, em Brasília, DF, conquistou a primeira certificação LEED (Leadership in Energy and Environmental Design; em português: Liderança em Energia e Design Ambiental) Platinum – nível mais alto de certificações concedidas para construções sustentáveis pelo Green Building Council – na região Centro-Oeste.

O edifício tem como grande diferencial seu projeto arquitetônico sustentável, que priorizou a utilização de materiais ecologicamente corretos e sistemas extremamente eficientes para otimização de recursos.

Para atender as premissas de eficiência energética, os responsáveis pela obra optaram por uma fachada com vidro de controle solar SunGuard Neutral Plus 50, da Série High Performance, da Guardian Glass.

A fachada do Centro Corporativo Portinari foi projetada para melhorar ao máximo a iluminação natural nos ambientes internos, contribuir para a eficiência energética e proporcionar a integração entre os ambientes interno e externo. Para isso, foi aplicada uma pele de vidro instalada com sistema stick.

“Esta composição contribuiu para diminuir a carga térmica e beneficiar o sistema de climatização, reduzindo a capacidade dos equipamentos e o consumo energético durante o uso e a operação. Além disso, a tonalidade mais neutra do vidro propiciou a perfeita integração dos ambientes interno e externo”, explica Felipe Bastos, diretor comercial da Central Vidros, empresa parceira da Guardian Glass e responsável pelo processamento dos vidros.

Nas fachadas norte e oeste, foram instalados ainda brises em vidro Extra Clear laminado da Guardian Glass, fixados com sistema spider glass.

“A simulação energética realizada para a certificação LEED, mostrou que os brises reduziram em 29% o ganho de calor pela envoltória”, conta Bastos.

Para Renato Sivieri, diretor de marketing da Guardian Glass, este empreendimento é mais um exemplo da importância do vidro na construção civil, que tem a sustentabilidade como uma de suas principais tendências.

“O protagonismo dos vidros de controle solar está crescendo na construção civil do Brasil, e nossos produtos podem ajudar os projetos que buscam certificações com até 20 pontos LEED”, diz.

Segundo Sivieri, os vidros da Série High Performance, da linha SunGuard, oferecem variedade de aparências, combinando transmissão de luz visível de média a alta, com menor ganho de calor solar.