FECHAR
FECHAR
26 de julho de 2018
Voltar

Institucional

AngloGold Ashanti, que completa 184 anos de atuação, é a indústria mais longeva em operação no Brasil

A AngloGold Ashanti completou, no último dia 8, 184 anos de atividades no Brasil – é a indústria de maior longevidade do País.
Fonte: AngloGold Ashanti

A empresa fechou 2017 com faturamento superior a R$ 2 bilhões, período em que investiu mais de R$ 100 milhões em pesquisas minerais no Brasil. Hoje, as unidades em território nacional são responsáveis por 15% de toda a produção de ouro do grupo no mundo. Somente em 2017, foram 557 mil onças, cerca de 17 toneladas do metal.

A origem da AngloGold Ashanti Brasil remonta a 1834, quando foi fundada a Saint John Del Rey Mining Company em Nova Lima, e com o início da exploração da Mina Morro Velho na região. Hoje, o grupo opera três unidades no País: Cuiabá-Lamego (em Sabará/MG), Córrego do Sítio (em Santa Bárbara/MG) e Serra Grande (Crixás/GO). A empresa também mantém em Nova Lima/MG a planta metalúrgica do Queiroz, escritórios administrativos e o Sistema Hidrelétrico Rio de Peixe.

Sobre a AngloGold Ashanti

Uma das maiores produtoras de ouro do mundo no Brasil, a empresa possui minas e plantas metalúrgicas e de beneficiamento distribuídas nos Estados de Minas Gerais e Goiás. Seus negócios englobam 17 operações em nove países. A AngloGold Ashanti tem sede em Johanesburgo, na África do Sul, e suas ações são negociadas nas bolsas de Johanesburgo, Nova York, Austrália e Gana.

Com mais de 4 mil empregados diretos, as operações brasileiras respondem por 15% da produção global de ouro do grupo e estão entre as mais avançadas do mundo no campo da tecnologia de mineração, pela excelência dos equipamentos e processos utilizados e pelo desenvolvimento de soluções de engenharia para a atividade de mineração em subsolo.