FECHAR
FECHAR
30 de julho de 2020
Voltar

ABC da Construção recebe aporte de R$ 115 milhões para acelerar crescimento

Expectativa da empresa é fechar o ano com mais de 100 lojas e receita anual de R$ 500 milhões
Fonte: Assessoria de Imprensa

A pandemia da Covid-19 afetou os mais diversos setores da economia no mundo todo. Passado o período mais crítico, as empresas que conseguiram se adaptar ao novo normal, com a digitalização dos relacionamentos e dos processos, estão caminhando para a retomada da atividade e do crescimento.

No caso da ABC da Construção, rede de material de construção, esse caminho já havia sido iniciado há alguns anos, o que contribuiu para que, neste momento, a empresa esteja se destacando no mercado, com os novos canais de venda crescendo 130% na pandemia e já representando 71% da companhia.

A expectativa é fechar o ano com mais de 100 lojas e receita anual de R$ 500 milhões e, com o aporte de R$ 115 milhões de seus sócios, expandir ainda mais.

A ABC opera com empreendedores locais, sejam eles do segmento ou não, com alguns modelos, de franquias a parceiros comerciais, onde o ABC S/A fica responsável pela parte mais pesada do negócio e que requer investimentos vultosos, deixando suas lojas leves mas com o papel importante de construírem ecossistemas locais próximos e robustos.

“Sempre tivemos o foco em ser uma empresa do segmento de construção com base em inovação e tecnologia – e estamos colhendo frutos do que vimos plantando ao longo de, no mínimo, 5 anos. &...


A pandemia da Covid-19 afetou os mais diversos setores da economia no mundo todo. Passado o período mais crítico, as empresas que conseguiram se adaptar ao novo normal, com a digitalização dos relacionamentos e dos processos, estão caminhando para a retomada da atividade e do crescimento.

No caso da ABC da Construção, rede de material de construção, esse caminho já havia sido iniciado há alguns anos, o que contribuiu para que, neste momento, a empresa esteja se destacando no mercado, com os novos canais de venda crescendo 130% na pandemia e já representando 71% da companhia.

A expectativa é fechar o ano com mais de 100 lojas e receita anual de R$ 500 milhões e, com o aporte de R$ 115 milhões de seus sócios, expandir ainda mais.

A ABC opera com empreendedores locais, sejam eles do segmento ou não, com alguns modelos, de franquias a parceiros comerciais, onde o ABC S/A fica responsável pela parte mais pesada do negócio e que requer investimentos vultosos, deixando suas lojas leves mas com o papel importante de construírem ecossistemas locais próximos e robustos.

“Sempre tivemos o foco em ser uma empresa do segmento de construção com base em inovação e tecnologia – e estamos colhendo frutos do que vimos plantando ao longo de, no mínimo, 5 anos. É gratificante colher os melhores resultados da história em um momento tão difícil como esse e chega a ser emocionante saber que, com esse aporte, poderemos expandir mais ainda nossas operações, podendo ajudar mais algumas centenas de empreendedores locais a procura de soluções sustentáveis nesse novo mundo”, destaca Tiago Mendonça, CEO da ABC da Construção.

Com um modelo de negócio omnichannel, logística e plataforma digital proprietária, e alto investimento em tecnologia, a ABC tem ajudado importantes empreendedores locais a se reinventarem diante das incertezas do cenário atual, afirma o executivo.

Os parceiros têm acesso a uma solução completa, onde a loja funciona como o centro do ecossistema local da região, permitindo a rápida digitalização de negócios tradicionais.

“Não é questão apenas de vender na internet, mas sim digitalizar o On e Offline resolvendo muitas dores do segmento, como gestão de estoques e clientes, logística, perdas, crédito e meios de pagamentos”, completa Mendonça.

Os aportes foram feitos pelos já sócios da companhia, fundos Spectra, Fir Capital, Redpoint eventures e pelos sócios fundadores, e tem como objetivo aceleração do investimento em tecnologia e digital, time, mix de produtos e logística.

Como exemplo, o Centro de distribuição, atualmente com 22 mil metros quadrados, será ampliado para 40 de área construída, em um terreno de 120 mil metros quadrados.