FECHAR
FECHAR
Voltar

Jogo Rápido

Revista Grandes Construções Edição 21 - 12/2011

Terratest investe pesado no Brasil

Após 10 meses de instalação no Brasil, o grupo espanhol Terratest, especializado em fundações e tratamento de solos, comemora os primeiros 10 contratos no país. Entre eles, destacam-se o Estádio Arena Grêmio de Porto Alegre, a ampliação do Sambódromo no Rio de Janeiro e  Parque Eólico de Osório.

Uma das metas da empresa, ao chegar ao Brasil, foi expandir a participação em novos mercados, estratégia que tem a América Latina como foco central. Hoje, a região representa 25% dos negócios do grupo, mas o objetivo é de que esse número chegue a 60% até 2015 - e o Brasil corresponda a 50% desse total.  Segundo Jonny Altstadt Jr., diretor executivo, a meta é que a unidade brasileira atinja o faturamento de R$ 30 ou R$ 40 milhões em 2012 e dobre o valor no ano seguinte.  Atualmente a empresa conta com 10 equipamentos em operação no Brasil número que deve chegar a 60 até 2012. A Terratest tem entre seus recordes a execução de estacas escavadas até a profundidade de 104 m; a execução de estacas escavadas com diâmetros de até 2.500 mm; e de mais de 500.000 m² de paredes diafragma com Hidrofresa. Todas as suas atividades contam com Certificados de Qualidade Internacionais (Aenor, IQnet, etc).

A empresa conta com um parque de quase 300 máquinas em operação na Europa, dentre perfuratrizes, bate-estacas e guindastes. Atua em parceria com os fabricantes de equipamentos e tecnologias, ela pretende disseminar no país a técnica de congelamento de solos, empregada em tunelamentos e escavações subjacentes.

 

20/12/2011

Transporte Urbano

BRT avança no Rio

20/12/2011
20/12/2011
20/12/2011