Voltar

Jogo Rápido

Revista Grandes Construções Edição 31 - 10/2012

Bioenergy compra planta de energia solar na Bahia

A Bioenergy, empresa que tem se notabilizado por investimentos em projetos de geração de energia limpa no Brasil, acaba de adquirir da Solyes uma planta de energia solar fotovoltaica para ser implantada no município de Oliveira dos Brejinhos, na Bahia, por R$ 7 milhões.

Em agosto deste ano, a Bioenergy foi a primeira geradora a comercializar energia solar em um leilão de energia no Ambiente de Contratação Livre (ACL). A planta da Solyes já se configura como um dos investimentos mais eficientes do segmento, uma vez que seu orçamento é significativamente menor do que projetos de porte semelhante da Eletrosul (R$ 8,1 milhões) e da MPX (R$ 11 milhões), apesar do desafio de implantar diversas tecnologias e fornecedores simultaneamente.

A unidade com potência de 1 megawatt (MW) deverá entrar em operação no primeiro semestre de 2013 e contará com três tecnologias fotovoltaicas diferentes, (policristalino, monocristalino e filme fino) para a captação de radiação solar. Os equipamentos serão fornecidos por 10 provedores distintos, localizados nos Estados Unidos, China, Taiwan, Singapura e Alemanha.

Os investimentos da Bioenergy em energia solar devem continuar. A previsão é investir R$ 20 milhões em empreendimentos que vão somar ao todo 3 MW. A empresa conta hoje com dois parques eólicos em operação: Miassaba 2 e Aratuá 1, ambos no Rio Grande do Norte, somando 28,8 MW de potência instalada.

No portfolio, a Bioenergy possui 180 MW já contratados nos leilões do ambiente regulado, 90 MW contratados junto ao mercado livre e 180 MW em fase avançada de contratação. A empresa já comercializou, ao longo dos seus 10 anos de vida, mais de 600 MW de potência instalada de energia eólica.

 

29/10/2012
29/10/2012
29/10/2012